Secretário da ONU alerta para risco de guerra nuclear: ‘Tivemos sorte até agora’

ANGELA WEISS / AFP - 01/08/2022

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

António Guterres afirmou que o geopolítica acompanha a maior escalada nas chances de uma aniquilação nuclear ‘desde o auge da Guerra Fria’

O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), António Guterres, alertou nesta segunda-feira (1º), para a possibilidade do mundo envolver-se em uma guerra nuclear. De acordo com o político, a humanidade está a “um erro de cálculo da aniquilação nuclear” e que a geopolítica não acompanhou um aumento na probabilidade de um conflito com o armamento nuclear “desde o auge da Guerra Fria”. “Tivemos uma sorte extraordinária até agora, mas a sorte não é estratégia nem escudo para impedir que as tensões geopolíticas degenerem em conflito nuclear”, argumentou.

Guterres também ressaltou a importância do Tratado de Não Proliferação de Armas Nucleares (TNP) – no dia 26 de agosto, a ONU sediará a 10ª conferência de análise do TNP. Segundo o secretário, trata-se de uma “oportunidade para reforçar este tratado e adequá-lo ao mundo de hoje”. “Eliminar as armas nucleares é a única garantia de que nunca serão utilizadas. Cerca de 13 mil armas nucleares estão nos arsenais do mundo em um momento em que os riscos de proliferação aumentam e as salvaguardas para prevenir esta escalada se enfraquecem”, afirmou.

Fonte Jovem Pan News
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.