Homem condenado por assassinato e estupro em 1992, e que estava foragido, é preso em Arcos (MG)

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Um homem acusado de estuprar e enrolar duas irmãs em arame farpado, e que estava foragido, foi preso nesta quarta-feira (22), em Arcos, no Centro-Oeste de Minas.

Segundo a Polícia Militar (PM), as duas mulheres foram jogadas no rio São Francisco. Uma das vítimas foi resgatada por um pescador e conseguiu sobreviver, mas a irmã de 20 anos morreu afogada.

O crime ocorreu em 1992, em Iguatema, na região Centro-Oeste do Estado. Claudionor Arcanjo, de 49 anos, foi condenado pelos dois crimes e cumpriu 22 anos de prisão.

Outro Crime 
Claudionor estava com outro mandado de prisão em aberto. Segundo a PM, em fevereiro de 1992, ele, o tio e um adolescente assaltaram um jovem casal de namorados. O rapaz foi solto, mas a menina de 13 anos, namorada dele, foi estuprada.

Depois de 30 anos dos dois crimes de estupro, Valderico Bernardes, de 63 anos, tio de Claudionor, foi preso em maio deste ano, em Goiás, e condenado a 73 anos de prisão.

Leia Também

Condenado por estuprar irmãs e jogá-las em um Rio em Iguatama (MG) é preso em Goiás, 30 anos após o crime 
Fonte Hoje em Dia
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.