Coronavírus pode ser transmitido mesmo depois da morte

Vírus pode ser transmitido no momento em que os agentes funerários pegam nos corpos das vítimas.

FOTO: Getty Images

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

As agências funerárias na Irlanda foram aconselhadas a enterrar as vítimas mortais do coronavírus sem um serviço funerário, uma vez que a doença pode ser transmitida até dias após a morte dos infectados.
A Associação Irlandesa de Diretores Funerários (IAFD) foi informada de que o vírus do Covid-19 pode manter-se no corpo vários dias depois da morte. Os agentes funerários têm também organizado os funerais via teleofne de forma a prevenir a propagação do vírus mortal.

 

 

 
A matéria continua após a publicidade

 
Segundo o Irish Mirror, o vírus pode ser transmitido no momento em que os agentes funerários pegam nos corpos das vítimas.
Numa entrevista ao RTE, Keith Massey, da Rom Massey e Son Funeral Directors afirmou que não é certo quanto tempo é que o vírus permanece no corpo após a morte de um doente infectado.
“O problema é que geralmente há ar preso nos pulmões quando alguém morre. Quando mexemos no corpo esse ar sai. Não há certezas de quanto tempo o vírus permanecerá nos pulmões e é isso que preocupa”, revelou.

 

Outras recomendações para este setor incluem o não fornecimento de transporte para as famílias dos mortos.

 

Um porta-voz da IAFD disse que a associação não tem como objetivo alarmar o público “ou ser insensível ao trauma que os entes queridos podem enfrentar caso um membro da família morra com a doença”, mas sim assegurar a saúde das pessoas.
Fonte CM Jornal
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com