Câmeras do “Olho Vivo” flagram briga entre torcedores de Atlético e Cruzeiro em BH

Integrantes de torcidas organizadas se enfrentaram em ruas movimentadas do Centro de Belo Horizonte. Quatro pessoas foram detidas, mas depois liberadas.

Confronto aconteceu em uma das ruas mais movimentadas de BH (Foto: Reprodução/ Câmeras Olho Vivo)

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Belo Horizonte voltou a ser palco de mais uma briga entre integrantes de torcidas organizadas de Atlético e Cruzeiro. Desta vez, o confronto aconteceu em ruas bem movimentadas do Centro da cidade. Três membros da Galoucura perseguiram um homem que é da Máfia Azul. A vítima foi alcançada e agredida com socos e chutes. Os quatro foram detidos, mas liberados, já que o torcedor cruzeirense não quis fazer uma representação contra os agressores. Segundo a Polícia Militar (PM), todos eles já têm passagem anterior por confrontos entre as agremiações.

A matéria continua após a publicidade

As cenas de violência aconteceram no fim da tarde dessa segunda-feira. Às 17h25, câmeras do sistema Olho Vivo flagraram a movimentação de torcedores. Um homem de 36 anos, integrante da Máfia Azul, afirmou que desceu do ônibus quando foi surpreendido por três membros da Galoucura, com idades entre 30 e 36 anos.

Assista ao vídeo

O trio saiu de um carro e começou a perseguir o torcedor do Cruzeiro. As imagens mostram o homem correndo e sendo agredido por diversas vezes com socos e chutes. Ele chega a entrar em um táxi, mas é alcançado pelos rivais, que continuam as agressões.
De acordo com a PM, os quatro foram detidos e encaminhados para a Delegacia da Polícia Civil. Todos eles já têm fichas criminais por lesão corporal, rixa e vias de fato, ocorrências relacionadas a confrontos entre torcidas organizadas.
Segundo a Polícia Civil, o grupo foi levado para a delegacia de plantão para apuração dos fatos. O crime pelo qual eles responderiam precisa de representação por parte da vítima para continuar as investigações. Como o homem agredido não manifestou interesse de continuar com a denúncia, todos foram liberados.

Confronto recente

Esta foi a segunda ocorrência relacionada a torcidas organizadas em cinco dias. Na última quinta-feira, um tumulto com integrantes de uma agremiação do Cruzeiro foi flagrado no Barro Preto, Região Centro-Sul de Belo Horizonte. Imagens que circularam nas redes sociais mostraram dezenas de pessoas atacando um ônibus com pedras, pedaços de madeira e rojões. A Polícia Militar (PM) afirmou que o alvo deles eram torcedores atleticanos que seguiam para o Mineirão, onde o Atlético iria jogar. Aproximadamente 30 pessoas foram detidas. Bastões de madeira e até tacos de beisebol de alumínio também foram apreendidos.

Assista ao vídeo

Fonte Estado de Minas
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com