Vinte pessoas são alvo da “Operação Lanterna dos Afogados” contra o tráfico de drogas em Formiga e Córrego Fundo (MG)

Foto: Paulo Coelho/Últimas Notícias

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

A ação nomeada de “Lanterna dos Afogados” foi realizada em Formiga e Córrego Fundo e consistiu também no combate ao roubo de carga e associação para o crime de tráfico
Uma operação contra o tráfico de drogas, realizada na manhã desta sexta-feira (27), em Formiga e Córrego Fundo, culminou na prisão de quinze pessoas e apreensão de um menor. Quatro pessoas estão foragidas.

A matéria continua após a publicidade

A ação nomeada de “Lanterna dos Afogados” foi realizada pelo Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco), Ministério Público, Polícias Militar e Civil e Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (SEAP).
A operação teve início a cerca de 6 meses e consistiu no combate ao tráfico de drogas, associação para o crime de tráfico e roubo de carga em Formiga e Córrego Fundo.  A ação culminou na recuperação em Pains de uma carga de café roubada na cidade de Piumhi, apreensão de armas e simulacros de armas de fogo, dinheiro em espécie, cheques, pinos de cocaína, maconha e drogas sintéticas. A maioria dos investigados são de Córrego Fundo.
Foto: Paulo Coelho/Últimas Notícias
A ação contou com a coordenação do representante do Ministério Público em Formiga, o promotor Ângelo Ansaneli Júnior e do MP em Divinópolis, o promotor Leandro Wili, além do empenho de 106 policiais militares, 30 viaturas e uma aeronave de Belo Horizonte que foram coordenados pelo comandante do 63°BPM, major Many Sidata Rodrigues; de uma equipe com 45 policiais civis coordenada pelo delegado regional, Irineu José Coelho Filho; e de uma equipe  com 10 agentes da Seap coordenada pelo diretor de Segurança, Leandro de Sousa.  
O promotor Ângelo Ansaneli agradeceu o apoio da juíza da vara criminal que com presteza liberou as ordens judiciais e alerta aos pais para cuidarem dos filhos inclusive dos menores que frequentam as festas raves realizadas na região onde estão ocorrendo comercialização de drogas sintéticas.
Fonte Ùltimas Notícias
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com