Polícia Civil prende suspeito de descumprir medida protetiva em Caratinga (MG)

Divulgação/PCMG

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) prendeu em flagrante, na quarta-feira (21), um homem de 47 anos, suspeito de descumprir medida protetiva de urgência em Caratinga, no Rio Doce.

 
A matéria continua após a publicidade

Segundo as investigações, o suspeito, inconformado com o término do relacionamento com a vítima de 24 anos, passou a perseguir e ameaçar a ex-companheira. O homem ligava para a mulher no local de trabalho dela e a perseguia pelas ruas.
A Justiça determinou medida protetiva para que o suspeito não se aproximasse da vítima. Entretanto, o homem continuou a perseguindo, além de manipular pessoas para convencê-la de retirar a representação. Por isso, em campana realizada por policiais civis, o homem foi preso em flagrante no momento em que ele esperava a vítima ir ao trabalho.
A Delegada Nayára Travassos destaca que a alteração na legislação, que colocou o descumprimento de medida protetiva como crime, possibilita não só a prisão preventiva, como também a prisão em flagrante, conforme ocorreu com o suspeito. Nayára Travassos alerta também que o agressor preso por descumprimento de medida protetiva não tem a possibilidade de pagar fiança na delegacia. Ele tem que aguardar decisão da Justiça no Sistema Prisional, acrescenta.
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com