Cinco homens são presos por armar emboscada para matar ‘amigo’ em Minas Gerais

Assassinato aconteceu em uma cachoeira em Macacos. Criminosos foram flagrados por câmeras de segurança de restaurante

Câmeras de segurança de um restaurante flagraram os suspeitos (Foto: Polícia Civil/ Divulgação)

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Cinco suspeitos de homicídio foram presos nesta sexta-feira em operação da Polícia Civil. O crime aconteceu em julho deste ano no distrito de São Sebastião das Águas Claras, mais conhecido como Macacos, na região de Nova Lima. Os suspeitos organizaram uma emboscada para um comparsa durante um passeio a uma cachoeira nas proximidades.

 
A matéria continua após a publicidade

Segundo o delegado Murillo Ribeiro, responsável pelo caso, o assassinato seria um acerto de contas. “A vítima já tinha sido presa com entorpecentes e havia delatado um dos autores do crime, então acredita-se que a motivação tenha sido vingança.” relata. De acordo com o delegado tanto a vítima, Ryan Victor Guimarães, de 24 anos, quanto os suspeitos tinham envolvimento com o tráfico.
Imagens das câmeras de segurança de um restaurante flagraram os homens chegando até a cachoeira junto com a vítima e fugindo às pressas pouco tempo depois do assassinato. O corpo de Ryan foi encontrado um dia depois do crime por moradores da região.
A operação “Cavalo de Troia” cumpriu seis mandados de busca e apreensão, sendo cinco no bairro Caiçaras, Região Noroeste da capital, e um em Ribeirão das Neves, na região metropolitana da cidade. Dois carros que teriam sido usados pelos suspeitos no crime foram apreendidos e encaminhados para perícia.
Fonte Estado de Minas
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com