Médica que relatou agressão de namorado lutador no RJ pede medida protetiva | Norte Fluminense | G1

Lutador agrediu a namorada neste domingo (18) em Campos dos Goytacazes, no RJ — Foto: Inter TV RJ / Reprodução

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Lutador agrediu a namorada neste domingo (18) em Campos dos Goytacazes, no RJ — Foto: Inter TV RJ / Reprodução
Lutador agrediu a namorada neste domingo (18) em Campos dos Goytacazes, no RJ — Foto: Inter TV RJ / Reprodução

Lutador agrediu a namorada neste domingo (18) em Campos dos Goytacazes, no RJ — Foto: Inter TV RJ / Reprodução

A defesa da médica que relatou ser agredida pelo namorado professor e lutador de muay thai em Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense, entrou com um pedido de medida protetiva na tarde desta segunda-feira(19).

Cíntia Silva Maciel, de 32 anos, estava com Francinei Gonçalvez Farinazo há cerca de cinco meses. A vítima foi agredida dentro do carro dela na madrugada de domingo (18).

Na tarde desta segunda, a médica foi até a Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM), em Campos, para prestar um depoimento, que durou mais de quatro horas.

De acordo com o advogado da vítima, Luis Felipe Gomes Pinto, Cíntia está abalada psicologicamente por causa das agressões.

"Foram vários socos, muitas agressões na região da face dela. Tá com dificuldade na fala porque foram vários pontos internos. O estado dela tá bem complicado. Tanto fisicamente quanto emocionalmente", contou.

Segundo o advogado da vítima, o relacionamento durou cinco meses, mas as agressões começaram no último mês.

Segundo a Polícia Civil, Francinei Gonçalves Farinazo levou a mulher para o Hospital Ferreira Machado (HFM) alegando que eles teriam sofrido um acidente de carro.

Ainda de acordo a Civil, diante dos ferimentos da vítima, o policial que fica na unidade foi acionado e o lutador foi preso em flagrante.

Lutador é suspeito de agredir a namorada em Campos
Lutador é suspeito de agredir a namorada em Campos

Lutador é suspeito de agredir a namorada em Campos

A polícia informou também que o suspeito foi autuado por lesão corporal no âmbito da violência doméstica, pagou fiança no valor de R$ 10 mil e foi liberado.

A academia em que o professor trabalha informou através de nota publicada nas redes sociais que ele será desligado do estabelecimento.

O advogado de defesa do suspeito, Amyr Hamden Moussallem, disse que o cliente está à disposição da polícia para esclarecer quaisquer dúvidas sobre o caso e que está aguardando ser intimado para depor.

A defesa informou também que está aguardando o término das investigações para se manifestar.

O G1 entrou em contato com a Polícia Civil e aguarda detalhes sobre o depoimento e o desdobramento do caso.

Veja outras notícias da região no G1 Norte Fluminense.

Fonte: g1.globo.com/rj/norte-fluminense/noticia/2019/08/19/medica-que-relatou-agressao-de-namorado-lutador-no-rj-pede-medida-protetiva.ghtml

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com