Príncipe do tráfico é preso na “Operação Maquiavel” em Santa Luzia (MG)

Polícia prende 18 pessoas em operação contra tráfico de drogas em Santa Luzia (MG)

Divulgação/PCMG

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

A Polícia Civil prendeu, nesta quarta-feira (14), 18 pessoas durante operação contra o tráfico de drogas em Santa Luzia, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Um dos presos é conhecido como “Príncipe” e chefe do tráfico em dois bairros da cidade.

A matéria continua após a publicidade

A operação, que se concentrou no bairro Kennedy, foi chamada de “Maquiavel”, uma alusão ao escritor italiano Nicolau Maquiavel, autor de um dos maiores clássicos da história, “O Príncipe”.
Em uma mata do bairro, os policiais encontrados drogas escondidas. Foram apreendidas ainda sete máquinas caça-níqueis, três carros, dinheiro, relógios de luxo e duas motos.
Nilton Cézar Rodrigues Boaventura, de 29 anos, é o “Príncipe”, e também tem o apelido de “Ninica”. Segundo a polícia, ele é conhecido na região por ser muito cruel. Ainda segundo a polícia, ele é “muito bem sucedido” e tinha uma casa de luxo com banheira dupla e quarto com revestimento acústico.
Outra detida foi Itiara Paula Lorenzo, suspeita de ser a contadora da facção investigada. Ela também é formada em direito e dona de um bar na cidade.

 

Assista ao vídeo

Materiais apreendidos Operação Maquiavel:
04 carros
02 motos
37 celulares
Dinheiro 4652,55
Cheque 12473
04 notebooks
07 máquinas caça níquel
01 máquina fotográfica
02 televisões
01 frigobar
01 mini modem
01 DVR
01 caixa de som
01 óculos de realidade virtual
01 vídeo game portátil
05 relógios
06 jóias
06 pen drives
08 pacotes de cigarro
23 pinos de cocaína cheios
35 pinos de cocaína vazios
01 porção de substância esbranquiçada
01 bucha de maconha
03 cartões de crédito
01 máquina de cartão de crédito
01 balança de precisão
07 cadernos com anotações
papéis com anotações diversas.
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com