Presidente do PSB dissolve diretório em Minas para barrar Marcio Lacerda

Lacerda desafia executiva nacional do PSB e se mantém como pré-candidato ao governo do Estado

Flávio Tavares

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

O presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, autorizou a dissolução do diretório do partido em Minas Gerais e reafirmou que Marcio Lacerda “não será candidato a governador em hipótese alguma”. A dissolução do diretório mineiro foi publicada nesta quinta-feira (2), no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MG), aumentando a tensão entre os diretórios nacional e estadual do partido.

A matéria continua após a publicidade

Com a decisão, uma Comissão Provisória foi nomeada, com o deputado estadual René Vilela (PSB) escolhido como presidente. Vilela é ligado ao deputado federal Júlio Delgado (PSB), nomeado como secretário de articulação, e líder do grupo pessebista que faz oposição a Lacerda. Além deles, compõem a nova direção estadual da legenda o vice-presidente Denisson Silva; o presidente do PSB em Montes Claros, Igor Geovane Versiani, como secretário-geral; o deputado estadual Edvaldo Piccinini Teixeira como primeiro secretário; o ex-secretário de trânsito de Uberlândia, Alexandre de Souza Andrade, como secretário de finanças; e Denilson Geraldo Gama, secretário de mobilização.

Mesmo com a nomeação da Comissão Provisória, o futuro das convenções do PSB ainda é incerto. Segundo o presidente Carlos Siqueira, os deputados nomeados irão decidir como as alianças e apoios do partido serão oficializados, neste sábado (4). “A orientação é apoiar o PT e é o que faremos”, disse. Siqueira também garantiu que Lacerda não será candidato. “No final, a executiva nacional vai analisar (a pré-candidatura de Lacerda) e não vai aprovar. Inclusive, existem vários aspectos, como financiamento de campanha, que ele não terá acesso. Como será candidato sem dinheiro?”, questiona Siqueira.

Apesar disso, Lacerda mantém o discurso de que terá a maioria dos 30 delegados mineiros do partido para aprovar seu nome como pré-candidato ao Palácio da Liberdade, neste sábado (4). Procurados, os deputados René Vilela e Júlio Delgado, ambos integrantes da nova Comissão Provisória do PSB em Minas, não foram localizados para informar como será realizada a convenção estadual do PSB.

Fonte Hoje em Dia
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com