Psicólogas criam jogo de baralho lúdico sobre prevenção contra uso de drogas

Cartas tratam dos fatores de risco e prevenção em relação ao uso de drogas

Flavio Tavares / N/A

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Após mais de 15 anos trabalhando com dependentes químicos, as psicólogas Lívia Pires Guimarães e Neliana Buzi Figlie verificaram que é preciso investir na criatividade ao tratar a prevenção ao uso de drogas junto a crianças e adolescentes. Elas tiveram, então, a ideia de desenvolver um jogo em que todos aprendam de uma maneira mais divertida, sem cair nos clichês do tema.

A matéria continua após a publicidade

Com o livro-baralho “Oráculo de Prevenção: Guia Prático”, as duas propõem dinâmicas lúdicas que abordam fatores de risco e de proteção ao universo das drogas. Lançado pela Editora Artesã, o produto é composto de um manual informativo e um baralho de 103 cartas. Há diferentes formas de se usar as cartas, sugeridas no livro. “Mas o jogador também é convidado a criar novos jogos a partir das cartas”, afirma Lívia Pires Guimarães, que já trabalhou para a Subsecretaria de Políticas sobre Drogas de Minas Gerais.

Como a fonte de inspiração é a ideia de oráculo (consulta), a intenção das psicólogas é estimular a conversa entre os participantes, em vez de simplesmente apresentar respostas prontas sobre prevenção. No jogo, os participantes podem comparar as suas crenças com as informações levantadas pelas especialistas e apresentadas no livro.

“São mais de cem cartas, mas poucas falam exatamente sobre drogas. A maioria fala sobre coisas simples da vida, que podem ser importantes para que uma pessoa seja afetada ou protegida em relação ao uso de drogas”, conta a psicóloga. “Por meio das cartas, é possível os jogadores se consultarem sobre os temas levantados. É uma maneira de ouvir o que os jovens têm a dizer sobre os temas”.

Fonte Hoje em Dia
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com