Embarcações afundam na Baía de Sepetiba

Os dois barcos Lucas Mar e Guto I estavam com 22 pescadores e ao menos três seguem sendo procurados. O Corpo de Bombeiros informou que 12 pessoas foram resgatadas pelos militares com vida e três conseguiram nadar e sobreviveram

Embarcações pesqueiras naufragaram na Baía de Sepetiba - Reprodução vídeo / WhatsApp

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Rio – Duas embarcações com 22 pescadores a bordo naufragaram na Baía de Sepetiba, altura de Itaguaí, na madrugada desta sexta-feira. Segundo a Marinha, quatro pessoas que estavam nos barcos pesqueiros Lucas Mar e Guto I morreram. Às, 10h, o Corpo de Bombeiros informou que 12 pessoas foram resgatadas pelos militares com vida e três conseguiram nadar e sobreviveram. Ao menos três pessoas seguem desaparecidas.

A matéria continua após a publicidade

A Marinha e os Bombeiros do Quartel de Sepetiba atuam desde 0h20, quando foram acionados, na Baía de Sepetiba no trabalho de procura e resgate. Apoiam os trabalhos o Quartel de Angra dos Reis e o Grupamento de Busca e Salvamento (GBS) da Barra da Tijuca. O naufrágio aconteceu na região da Laminha. Os sobreviventes estão sendo levados para o Hospital Municipal Pedro II e para a UPA, unidades localizadas em Santa Cruz, na Zona Oeste.

Quatro embarcações da Delegacia da Capitania dos Portos em Itacuruçá (DelItacuruçá) e duas dos bombeiros atuam na região, assim como dois helicópteros — Marinha e Bombeiros — auxiliam nas buscas. As causas do naufrágio ainda são desconhecidas.  As causas da ocorrência e as responsabilidades dos envolvidos serão apuradas em um inquérito instaurado pela Marinha do Brasil.

Fonte Agência o Dia
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com