Vídeo registra confronto entre caminhoneiros e PRF na última terça (24) em SC

Vídeo mostra balas de borracha e bombas de efeito moral sendo utilizadas. Conflito aconteceu na noite da última terça-feira (24) em Xanxerê, Oeste de Santa Catarina.

Tropa de choque da PRF começou a agir em bloqueios no Oeste catarinense (Foto: PRF/Divulgaçao)

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Um vídeo (veja acima) mostra o confronto entre manifestantes na BR-282 e policiais durante o desbloqueio do trecho do km 504,4 em Xanxerê, no Oeste catarinense, na terça-feira (24). Os oficiais dispararam balas de borracha e bombas de efeito moral para dispersar os manifestantes. Seis pessoas foram encaminhadas para prestar esclarecimentos na delegacia da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

A matéria continua após a publicidade

Até as 16h desta quarta-feira, 32 trechos de rodovias estaduais e federais estavam bloqueados em Santa Catarina. O protesto de caminhoneiros chega ao oitavo dia.

De acordo com o delegado Luiz Carlos Dadan, da Delegacia de Polícia Civil de Xanxerê,  seis homens encaminhados à delegacia por volta das 19h, prestaram depoimento e assinaram um termo circunstanciado por crimes de desacato, desobediência e resistência contra os policiais.

Todos foram soltos. Dadan esclarece que, pelas ocorrências terem sido feitas contra funcionários federais, os manifestantes serão julgados pela Justiça Federal, através do juizado especial criminal de Chapecó.

Os policiais alegam que foram recebidos com pedras pelos manifestantes.

Vídeo mostra confronto

No vídeo, um advogado de empresários de Chapecó, no Oeste catarinense, solicita que os motoristas que haviam desocupado a BR-282 voltassem à rodovia. Ele também orienta os manifestantes a deitarem sobre via.

A partir deste momento, ocorreu um dos primeiros confrontos entre policiais e manifestantes. Tiros de balas de borracha e bombas de efeito moral foram disparados contra os manifestantes.

A PRF questionou se o advogado seria o líder do movimento. Houve reação e o profissional acabou sendo detido. Os outros cinco manifestantes também foram levados para a delegacia.

A tropa de choque da PRF começou o ataque mais incisivo e caminhoneiros começaram a sair da região com os veículos. O confronto durou vários minutos, por volta das 18h. Os manifestantes cederam e a rodovia foi desbloqueada em seguida.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com