Prefeitura de Itapecerica/MG, decreta situação de emergência pública

Motivo é a crise de desabastecimento de combustível causada pelo oitavo dia de greve dos caminhoneiros em todo o país.

Foto: PMI/Divulgação

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Diante da paralisação nacional dos caminhoneiros, a Prefeitura Municipal de Itapecerica decretou na tarde desta segunda-feira (28), situação de emergência pública em virtude do desabastecimento geral ocasionado pela falta de combustíveis e pela dificuldade de transporte tanto de pessoas quanto de mercadorias.

A matéria continua após a publicidade

O combustível ainda disponível para a frota municipal será priorizado para o transporte de pacientes de hemodiálise, em tratamento no Hospital do Câncer e demais situações de emergência médica e para o serviço essencial de coleta de lixo. As aulas nas escolas municipais ficarão suspensas até que a situação de desabastecimento seja regularizada. Tais medidas terão validade até que seja retomado o quadro de normalidade.

As consequências do movimento da categoria dos caminhoneiros são sentidas por toda a sociedade. Mas é preciso que o povo brasileiro esteja unido em prol de melhores condições de vida para todos. A paralisação é um ato legítimo de busca de direitos e é de conhecimento geral que nenhum progresso em nosso país foi conquistado sem luta e sem a participação ativa da população, disse Wirley Rodrigues Reis, prefeito de Itapecerica.

Lei a integra do Decreto:

 

 

 

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com