Rivalidade entre Ambientallis e Mirelle termina em empate na cidade de Oliveira/MG

(Fotos: Marcelo Praxedes)

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

Por: Marcelo Praxedes

Com as duas equipes em campo foi respeitado um minuto de silêncio pelo falecimento de Antônio Eustáquio Horta Vilela “Taquinho” um dos fundadores do Benfica.

A matéria continua após a publicidade

Com o apito do árbitro Marcelo, a bola rolou na décima primeira rodada do campeonato Master, categoria acima de 35 anos. Foi registrado uma boa presença de torcedores e que neste jogo contou com a charanga do bairro das Graças.

 

O clássico entre Ambientallis e Mirelle foi bem equilibrado com as duas equipes construindo boas jogadas buscando balançar a rede. Aos três minutos do primeiro tempo o ponta Wendel da Mirelle abriu o placar em 1×0.

De volta do intervalo, a equipe Ambientallis voltou decido em buscar o gol de empate, atacando mais e obrigando o goleiro Lucas a fazer defesas importantes. Aos 32 minutos do segundo tempo o atacante e artilheiro do Ambientallis, Bruno Bugalu, brilhou ao fazer o gol de empate. Tem sim que registrar que no segundo tempo o ataque da Ambientallis, também desperdiçou mais de duas chances de virar o jogo.  A arbitragem dessa partida foi questionada sobre um lance polêmico dentro da área que para os jogadores foi um pênalti não marcado. Final de jogo: Mirelle 1×1 Ambientallis. A rivalidade entre as duas equipes proporcionou uma boa partida, deixando para trás todas as divergências em campo, pois do outro lado reina a amizade entre todos.

No calor da disputa os jogadores e a direção do Ambientallis, questionou da arbitragem um pênalti não marcado no segundo tempo. Nesse vídeo gravado com exclusividade pelo jornalismo da rádio Sociedade, você pode comentar se esse lance foi ou não foi pênalti. Video: Marcelo Praxedes.

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com