Medalha da Inconfidência vira palco de protestos pela libertação de Lula

Concentração para Medalha Tiradentes

Ana Júlia Goulart

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu dispositivo, inscreva-se agora.

A tradicional Medalha da Inconfidência, uma das principais condecorações do Estado, vira palco de protestos pela libertação do ex-presidente Lula. Centenas de pessoas já estão em Ouro Preto, onde acontece o evento, região Central de Minas, para a manifestação convocada por diversos movimentos.

A matéria continua após a publicidade

Entre eles, o próprio Partido dos Trabalhadores (PT). O diretório estadual da entidade garantiu que o ato intitulado ‘Lula Livre’ é um protesto também pela independência nacional. Cartazes com dizeres ‘eleição sem Lula é fraude’ estão espalhadas pela cidade.

Lideranças do partido, como a presidente, senadora Gleisi Hoffmann, devem acompanhar a manifestação. Um dos homenageados com a Grande Medalha é o senador Lindbergh Farias (PT).

Evento
Mais de 100 personalidades e organizações que desenvolveram trabalhos em beneficio do Estado serão agraciados com a medalha. Entre eles, a vereadora do Rio de Janeiro, Marielle Franco, morta recentemente.

O governador de Minas, Fernando Pimentel (PT) será o orador. Neste ano, a celebração começa na Praça Tiradentes, com a cerimônia de tiros, hasteamento da bandeira e colocação de flores no monumento de Tiradentes e segue para o Centro de Convenções da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) para a entrega das medalhas.

Foi publicado na edição desta sábado do Diário Oficial, o Minas Gerais, a transferência simbólica da capital do Estado de Belo Horizonte para Ouro Preto.

Fonte Hoje em Dia
WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com